NotíciasSolange dos Santos Rodrigues

SOLANGE, UMA COMPANHEIRA DO CAMINHO!

do CEBs do Brasil

“Bem aventurado entre os mortos, quem adormeceu no Senhor. Repousar de suas fadigas vai, quem por Deus viveu no labor”

É com muita gratidão que as CEBs do Brasil de despede de Solange dos Santos Rodrigues, e se coloca em unidade com ela na comunhão dos santos. Esta mulher que está abraçando Deus face a face e foi ao encontro definitivo com Ele no dia em que se comemora a Glória de Maria de Nazaré.

Solange (Sol) tomou o trem e fez sua parada na estação definitiva.  Sempre foi esta mulher questionadora, mas também do apontar caminhos. Desde jovem se dedicou às CEBs. Largou um bom emprego, com ótimo salário, na década de oitenta do século vinte e se colocou no caminho das comunidades. Chegou a fazer uma experiência de morar em um bairro periférico de Duque de Caxias/RJ e foi estudar as comunidades na graduação e no mestrado. Mas não fez carreira acadêmica. O que estudou colocou a serviço das CEBs.

Deixa para as Comunidades Eclesiais de Base um grande exemplo e uma profunda herança. Sim, são muitos os bens a serem partilhados, uma vida doada às comunidades. Em muitos momentos do processo ela estava: Ampliadas, Intereclesiais, assessorias.

Assim sendo, não temos outra palavra que não seja de gratidão e acolher a nossa fragilidade diante de sua morte, mas na certeza de que não temos aqui cidade permanente e sim buscamos a que há de vir.

Continuemos o Caminho que Solange tanto queria ver realizado neste mundo.

“Ninguém solta a mão de ninguém, ninguém solta a mão!
Pode se achegar, pode vir celebrar, ninguém solta a mão.”

Ampliada Nacional das CEBs
Setor CEBs – Comissão Episcopal Pastoral para o Laicato (CNBB)
Secretariado para o 15º Intereclesial
GT de Formação

Brasil, 16 de agosto de 2021.

Botão Voltar ao topo